Terça-feira, 10 de Abril de 2007

...para mim!

Um poema para mim...escrito para mim por alguém com asas, por alguém que voa..e vai voar para longe e eu vou com ele!

 

O som abafava a minha voz, sentia apertar o coração
deixava de sentir verdadeiramente o chão e levantava.

A luz aumentava e a terra afastava
e eu Ícaro me sentia naquele miolo de lata.

Foi ai que te recordei, por seres bonita
mas também por te saber aflita se ali estivesses comigo.

Sentirias o ar pois a porta ia aberta, sentirias o sabor do sangue na boca,
como quem sente pela primeira vez uma sensação louca.

E sairias dali comigo, os dois bem juntinhos a roçar os duzentos...
desceríamos pelo ar até que se abriria o pano que nos salva a vida...
até que sentisses a paz no teu corpo e nos teus tremolos braços.....
e ai tu saberias, tal como sabem os pára-quedistas, porque cantam os
pássaros.


Com Carinho

António

 


tags:
publicado por Sara Rocha às 22:34
link do post | favorito
3 comentários:
De Banderas a 24 de Abril de 2007 às 13:24
De teclado para ... teclado


Pois é ... neste mundo global e cada vez mais impessoal consegue-se chegar ao cúmulo de sentir e descrever emoções sem conhecer os interlocutores. Enfim ... “modernices”.
Ao entrar nesta onda ou mergulha-se de corpo inteiro ou não se mergulha de todo. Decidi mergulhar mas com descrição. Confesso que até gosto destes mistérios, segredos, enigmas, ... que até condiz com uma das minhas personagens.
Concluindo: adoro este jogo.

Depois deste intróito, volto ao tema que propus abordar em forma de comentário.

Tal como tu estou de frente para o teclado, mas com uma imagem no ecrã. Uma imagem de sonho que é de uma silhueta bela, elegante, de olhos bonitos e olhar intenso. Do ecrã irradia, pela silhueta, uma luz intensa que quase me cega ...

Para meu espanto a silhueta salta do ecrã, tal como no filme “ A cor Púrpura do Cairo, e voa à minha volta. Parece um sonho ... Tendo tocar-lhe mas ela desvia-se e sorri. Tem um sorriso lindo, sensual e convida-me para voltar com ela para o ecrã. Faz-me aquele sinal com o indicador e atira um olhar arrebatador. Estou quase seduzido ... Vou?
De Banderas a 17 de Abril de 2007 às 18:01
Aos segredos que não podem ser revelados ...

Entre o luar e a folhagem,
Entre o sossego e o arvoredo,
Entre o ser noite e haver aragem
Passa um segredo,
Segue-o minha alma na passagem.

Ténue lembrança ou saudade,
Princípio ou fim do que não foi,
Não tem lugar, não tem verdade,
Atrai e dói.
Segue-o meu ser em liberdade.

Vazio encanto ébrio de si,
Tristeza ou alegria o traz?
O que sou dele a quem sorri?
Nada é nem faz.
Só de segui-lo me perdi.

Fernando Pessoa in Antologia Poética
De Banderas a 12 de Abril de 2007 às 23:14
De mim …. Para ti!

Depois de um dia de trabalho complicado e cansativo, chego a casa e sinto um vazio.
Não estando sozinho … estou só!
Sento-me na cadeira de baloiço e adormeço: Tenho um sonho. Um sonho lindo …

Um sonho de fadas e de locais belos. De momentos fantásticos, mas irreais e … de segredos…Segredos que não posso revelar.

Balançava na cadeira e a chuva batia lá fora com energia nos vidros da janela. Uma melodia sem fim …
A minha mente repousada via-te, ao longe, a voar. Queria tocar-te, mas quanto mais o pretendia fazer mais tu voavas e te afastavas …
À tua volta brilhava uma esplendorosa luz, cada vez mais intensa, que me ofuscava. Mesmo assim consegui vislumbrar a cor dos teus olhos e a intensidade do teu olhar.
De resto, tudo mergulha num silêncio que dói e que preenche todo o espaço …

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Continua

. Sem tempo

. Quantas?

. Carta de Amor

. Dance me...in Donostia!

. Este Amor

. Feliz cumpleaños!

. Alucinação

. Poema de amor.

. Agarra ou foge!

.arquivos

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds