Terça-feira, 26 de Junho de 2007

Cumplicidades

 

 

 

Desejo de ti

Perversidades contigo

Corpo que quer

Mente que pede

Pele húmida

Que te chama

Que sua por ti

Abandono cúmplice

Vício

Transgressão

Fragilidade

Sussurros..teus

Vontade...de nós!

 

 

 

 

publicado por Sara Rocha às 18:25
link do post | favorito
Quinta-feira, 21 de Junho de 2007

Para ti Amiga

 

Um ano sem ti...

Um ano de saudades,

Recordações...

Para ti Amiga...um poema de Ana Hatherly!

 

Sandra 23.02.71 - 18.06.2006 

 

OS ANJOS

 

Todos têm uma boca lassa

e as claras almas sem limites.

E em seus sonhos por vezes perpassa

uma saudade (talvez de pecado).

 

Quase todos parecidos uns com os outros

nos jardins de Deus estão calados

como se fossem inúmeros intervalos

em sua força e sua melodia.

 

Mas quando desdobram suas asas

despertam uma tal vibração

como se Deus com sua vasta criadora mão

folheasse o obscuro livro do início.

 

Ana Hatherly (1929) - Rilkeana

 

 

 

publicado por Sara Rocha às 11:44
link do post | favorito
Terça-feira, 19 de Junho de 2007

Adagio en G Menor

 

 

Hoy te escribo para despedirme de ti…de mi..de nosotros.

Lo que va para allá de la lógica no hace parte de este mundo…así como tú y yo no hacemos.

Hay límites...barreras...

Y ni nuestra locura, ni nuestro deseo, ni tampoco nuestro profundo sentimiento ultrapasará las fronteras que la vida nos ha puesto.

Me despido de ti en esta carta que escribo mientras escucho lo Adagio del  cd de Dali que me regalaste en uno de nuestros encuentros con la fantasía – lo que llamábamos entre sonrisas “nuestra realidad”.

Me despido de mi también, porque una parte de mi va a morir…y la voy a encontrar a faltar...como a ti, a tu voz, a tu cuerpo…a tu Ser fantástico!

Me despido porque este mundo es uno y nosotros dos…

T’estimo y este sentimiento me acompañará para siempre…

y te recordaré como un oasis…un sueño…eres mi sueño y por más bello que sea, por más fabuloso…no pasa de un sueño!

 

Petons!

 

 

música: Adagio em G Menor
publicado por Sara Rocha às 15:44
link do post | favorito
Quinta-feira, 14 de Junho de 2007

Vermelho-cão

 

As grandes vagas levam-me para todo o lado...ao sabor da corrente.

Estrelas da noite passada...

Ventos da noite passada...

A oeste da sala pintada...de vermelho-cão , dizias tu...

Se os corpos não têm asas,

Os corações comunicam,

Os vértices tocam-se

E os pensamentos voam

para horizontes com nuvens

e reflexos.. de vermelho-cão .

 

 

música: "Fly me to the moon"...Sinatra como não podia deixar de ser!
publicado por Sara Rocha às 18:25
link do post | favorito
Terça-feira, 5 de Junho de 2007

Cálice

www.olhares.com

 

 

Hummmm ...

 

Decifras o aroma intenso,

O sabor subtil,

Único... do Vintage

que bebes..

do meu

...umbigo

 

 

publicado por Sara Rocha às 11:16
link do post | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Continua

. Sem tempo

. Quantas?

. Carta de Amor

. Dance me...in Donostia!

. Este Amor

. Feliz cumpleaños!

. Alucinação

. Poema de amor.

. Agarra ou foge!

.arquivos

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds