Sábado, 2 de Fevereiro de 2008

CÍRCULO

Foto: Allan Montresoli

 

 

Perdida,

circulo,

paro,

prossigo.

Caminho por luas cheias

durmo ao sol de domingos de Agosto....

Vou, passo a passo, e

sem saber

continuo no mesmo espaço

...movimento circular,

redondo

obtuso

...perfeito

confuso.

continuo sem cessar...

para quê?

não saio do lugar...

Prisioneira de mim.

Em mim numa redoma fechada,

anseio,

quero,

desejo,

desespero,

mas ...já não rezo, para ser achada,

nem sair desta bola malfadada.

 

 

 

 Sting - Englishman in New York

 

 

 

 

 

 

publicado por Sara Rocha às 23:39
link do post | favorito
|
9 comentários:
De Antonio a 8 de Fevereiro de 2008 às 15:12
Vai, circula, navega, percorre,
Vai e voltarás...
o principio é a meta..
o principio é o fim
O circulo pode não ser perfeito
mas a linha da vida é tão curva que te faz regressar
as origens serão o teu poiso...
Vai....vai...pois voltarás...
ainda que pelos meus braços não tenhas passado, espero que eu possa ser nem que seja uma pequena tangente no teu circulo.
De cavalo alado a 4 de Fevereiro de 2008 às 16:34
Viajando permanentemente pelo espaço vou pensando e a figura não me sai da mente. Lindo poema. Prisioneira ou prisioneiro?? Seja como for a situação descrita só acontece porque a sujeito caminha de forma errada: caminha em círculos concêntricos. Nada mais errado!!!!
Para se libertar terá de iniciar uma caminhada em círculos-espira; para sair do mesmo sítio e não voltar a trilhar o mesmo caminho!!! Só assim chagará ao espaço aberto, à liberdade quase total para dar asas ao:anseio, quero, desejo e deixar para trás,esse sim no círculo fechado, o desespero...Bom Carnaval Soja
De Nuno a 4 de Fevereiro de 2008 às 15:27
Encontrar novas formas para dizer o mesmo...é um exercício cada vez mais difícil...circular? Diria exemplar, peculiar e...para divulgar.

Gostei.
De cavalo alado a 4 de Fevereiro de 2008 às 10:37
Ah, esquecia-me de comentar isto: "Já não rezo para ser achada..."
Se calhar não precisas...se calhar já foste achada...se calha, se calhar, se calhar...é tudo uma questão de querer, quem sabe!!!
De cavalo alado a 4 de Fevereiro de 2008 às 10:07
A quadratura do círculo??
martirizas-te, entonteces...sai do trilho circular...olha o horizonte...que vês? Montanhas ao longe e, por detrás de uma motanha encontrarás sempre outra e outra e outra. Me parece que terás de optar para ganhar o trofeu da estabilidade, que te faça deixar o circ (o), perdão, queria dizer (ulo).
Soja no seu melhor, inspiração sem limites, sem circulo...A fé não aparece com um click é preciso procurá-la, se calhar anda por aí escondida, a espreitar, quem sabe?!!!
De Banderas a 3 de Fevereiro de 2008 às 22:59
OLÁ SOJA.

Não vale a pena desesperar...

Sendo o circulo uma forma geométrica perfeita, encontrarás a saída dessa redoma que te asfixia.

Segue a LUA que ela iluminará o caminho...


De mmm a 3 de Fevereiro de 2008 às 18:23
olá soja,
Descreves-me na totalidade nesse teu poema.
continuo sem cessar...
para quê?
não saio do lugar...
Prisioneira de mim e dos outros...
Continuo sempre á volta, sem conseguir sair do mesmo sítio...a minha vida é um movimento circular...
Uma fotocopia não seria tão perfeita...
continua...cordiais saudações...
De Pedro Salvador a 3 de Fevereiro de 2008 às 02:05
A matemática, o cinzento, o pop/jazz.
Gostei muito dos redondos como o poema decorre.
Genial!
De Salito a 3 de Fevereiro de 2008 às 01:44
Tens uma escrita especial. Forte. Tocante. Matemática. Perfeita....como o círculo.... Não te sintas encurralada.... acredita que pode ser diferente....quando menos esperares ele movimentar-se-á em direcção ao que procuras e aí, sentirás tudo diferente. Reencontrarás a fé... PARABÉS pelo trio (Texto, Foto e Música)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Continua

. Sem tempo

. Quantas?

. Carta de Amor

. Dance me...in Donostia!

. Este Amor

. Feliz cumpleaños!

. Alucinação

. Poema de amor.

. Agarra ou foge!

.arquivos

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds